Online


26 de outubro de 2009

Sonho ou Revelação? - Parte 1

Era meado de 2004. A minha mente estava tão cheia de ocupações, que não consegui dar a devida atenção a dois sonhos muito fortes que tive com minha irmã Lucy.

Primeiro sonhei que chegava em casa, à noitinha, e estava tão exausta do trabalho da Associação que me sentia meio em transe.
Quando pensava em ir tomar banho, o meu cunhado Sérgio chegava de moto e, lá de fora do portão, gritava aflito. Ele dizia que Lucy tinha passado mal do coração e eu deveria ir acudí-la.
Era como se ele acreditasse que se eu fosse curaria o coração dela.

Lhe respondi que a levasse para o hospital imediatamente que eu iria em seguida. Eu não entendia como ele ainda não a tinha levado ao hospital! Entrava no banheiro para pelo menos trocar de roupa, mas descobria que já estava com a roupa trocada.

A aflição de Sérgio era tanta que de dentro do banheiro eu podia ouví-lo acelerando e desacelerando a moto. Então eu me dizia: Vou pentear o cabelo rápido. Mas no espelho percebia que o cabelo já estava penteado. Daí corri para a porta a fim de alcançá-lo, quando o ouvi gritar: “Adianta, Barbinha! Adianta, Barbinha! Adianta, Barbinha!”

Acordei assustadíssima e ainda pude ouvir uma outra voz muito ao longe também gritar: “Adianta, Barbinha!”. Muito intrigada tentei entender o sonho. Minha irmã tinha problemas no esôfago e não no coração.

Passado mais de um mês, convoquei a família e algumas irmãs para fazermos uma campanha de oração pela vida de Lucy e pela cirurgia que ela teria de fazer, por conta de uma hérnia de hiato.

Graças a Deus tudo ocorreu bem. Deus a livrou inclusive de um erro que quase cometeram contra ela, pois a confundiram com outra paciente que iria retirar o útero
continua...
Relato extraído do meu livro A Vinha e o Gamo, pág. 88

2 comentários

Iglesia Dios de Pactos 28 de outubro de 2009 17:19

BARBI QUERIDA LUCY SEMPRE ESTARA PRESENTE NO TEU CORAÇAO E NAO ESQUEÇA LINDA TEMOS A ESPETANÇA DE VIDA EETERNA ELA ESTA COM O sENHOR,SO FOI PRIMEIRO QUE NOS BEIJAO QUERIDA

Bárbara Guedes 29 de outubro de 2009 18:05

Amém, minha amiga. Tenho sim esta esperança.
Obrigada por comentar.

Postar um comentário

Deixe aqui a sua contribuição,pois a sua opinião me inspira.